Notícias

09/07/2013

COLABORAÇÃO EM NUVEM DEFLAGRA TRANSFORMAÇÃO EM TELCOS E ÁREAS DE TI

 

Embora analistas e fabricantes apontem suas energias e discursos às quatro maiores tendências que formam a nova onda de TI e Telecom – Big Data, mobilidade, Cloud e redes sociais –, podemos afirmar que é o uso indiscriminado das novas ferramentas de colaboração que irá transformar as formas de pensar. Isso irá, também, definir estratégias e produtos tanto das operadoras de telecomunicações quanto das áreas de TI das corporações. Hoje, tanto provedores como corporações usuárias de serviços de telefonia estão estudando os rumos que o mercado irá tomar.

As operadoras já se deram conta de que os ramais fixos e o PABX estão cada vez mais virtualizados e móveis. Os usuários não comprarão mais ramais por portas e sim por funcionalidade, mobilidade e, principalmente, pela quantidade de serviços integrados que o ramal ofereça. Esta movimentação aponta para uma sensível redução (para não dizer o fim) das redes de telefonia tradicionais, baseadas em PABX e portas de comunicação.

Para as corporações, a evolução e o consumo de dispositivos móveis pelos usuários de todas as idades, empresas e classes sociais já estão rompendo a barreira da rede corporativa e da rede pessoal. A eficiência do uso da informação está na velocidade em que a encontramos e na velocidade em que, sobre elas, tomamos a melhor decisão.

 

75% dos usuários já fazem uso de ambientes virtualizados

Neste contexto, ainda estamos muito deficientes no acesso e tratamento da informação. Esta realidade torna-nos ineficientes. É sabido e documentado que 80% do tempo dos profissionais são gastos orquestrando, buscando e atualizando as informações. Somente 20% do tempo são dedicados a tomar decisões que afetem a produtividade da empresa. Por outro lado, estudos mostram que 75% dos usuários já fazem uso de ambientes virtualizados. Se analisarmos os dois fatos conjuntamente, perceberemos que os usuários precisam de ferramentas atualizadas, que lhes permitam colaborar com as informações de maneira a aumentar a eficiência e a produtividade de seus processos de negócios.

 

Este é o momento atual, e é aí que investem os grandes fabricantes.

Está havendo uma onda de descolamento das soluções, em termos de hardware e software. Já passamos por isto em outros tempos. Os fabricantes líderes da indústria (mesmo os tradicionais, focados em hardware) apontam seus grupos de pesquisa e desenvolvimento para soluções de aplicação que integrem as mídias atuais de contato dos usuários (Post, e-mail, SMS, vídeo chamadas, chamadas de voz). A meta é fazer isso de forma simples, chegando-se a uma plataforma e interface que seja única, amigável e, acima de tudo, intuitiva. As novas aplicações devem ser cada vez mais intuitivas e focar em tirar do usuário o trabalho cotidiano. Uma outra característica importante é que estes ambientes de colaboração já trazem recursos de geo localização: com a devida autorização do usuário, a aplicação encontra a pessoa onde quer que ela esteja e comunica esse fato a todos que interessar.

 

Ambiente único é a base das soluções de colaboração

Note que os negócios nascem de uma conversa, e que dela se evolui a diversas maneiras de comunicação. É dentro desta simplicidade que os fabricantes buscam desenvolver e lançar suas plataformas, que são independentes do hardware atual do usuário. Isso é feito para atacar o mercado com abrangência e sem limitação, independentemente do dispositivo de acesso. As novas plataformas oferecem, também, tarifação por demanda (isso é feito dentro do ambiente de nuvem) e com foco em usabilidade. Trata-se de um ambiente único, onde aparecem todas as conversas e todos os conteúdos conectados aos processos de negócios da empresa.

É interessante notar a forma de abordagem que os fabricantes estão adotando neste momento. As empresas abandonaram definitivamente a divulgação por tecnologia, e passam a valorizar ofertas voltadas ao aumento de produtividade, à melhora de performance de times, ao maior valor agregado e à conquista de claras vantagens competitivas.

A colaboração agregando recursos de Big Data, mobilidade, nuvem e ainda integrada às redes sociais está mudando a forma com que as pessoas e os profissionais se comportam, fazem negócios e se relacionam. Temos uma vida virtual que já é fundamental para vivermos e gerarmos mais negócios. As áreas de TI e seus CIO's devem ter estas disciplinas no foco, não se atrasar e entender que sua adaptabilidade será uma das métricas importantes para seu sucesso e futuro.

 

Fonte: IP News

Venha fazer parte da nossa equipe de vencedores. Cadastre seu currículo.

Copyright © 2011-SindInformática - Todos Direitos Reservados

Avenida Anhanguera, nº 5674, sala 401, 4º andar - Setor Central - CEP: 74.043.011 - Goiânia/GO. Fone: (62) 3942.9499 | (62) 3942.9599

Produzido por